Meu Perfil
BRASIL, Sul, LONDRINA, Moradias Cabo Frio, Homem, Portuguese, Japanese, Arte e cultura, Saúde e beleza, Medicina
MSN -



Histórico


Categorias
Todas as mensagens
 Link


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 A arte de Bhall Marcos - Pinturas
 Poemas do Bhall
 Minhas xilogravuras
 Bhall fotógrafo
 Minhas pinturas figurativas
 Meu blogspot - Artes
 My page in Gallery Alborques
 Blog do Bhall
 Blog do Bhall contra a corrupção
 nu art´stico
 Aprenda a fazer hai-kai
 Aqui-gravura
 Galeria de Gravura
 fotografia.art
 Rona Bojanic
 Mara Carvalho
 Seleção melhores blogs
 A xilogravura de André Miranda
 Marcelle Barreto
 Maria Tereza
 chuvinha
 Célia Musilli
 Alessandra E
 Justin Myer - Fotógrafo
 Canto gravura
 Nancy Macedo
 Diversos e afins
 Receitas da Loba
 Marcio Américo
 Londrix
 Rosemeire Nakamura
 Mario Bortolotto
 Artcanal
 Blog acidêz mental
 Marcinha
 Arte em foto
 André Miranda - Xilogravuras
 Eliane Alcântara
 A BARATA
 Ivan Petrovich
 Giovana Manzoli
 Blog do Sergio
 Mone
 Eliane Alcântara
 Rumos/Itau
 Arte e palavra
 UEL FM
 Orkut de bêbado
 Só e bem acompanhado
 Rede cultura
 Fotografos de Tókio
 Releituras
 Wilson Rezende
 Frases diversas
 Blog do Aldo
 Site de traduções
 Dolores branco
 Tradutor automático
 Sommeliér Gisele Bispo
 Montagens de fotos
 Curto e grosso
 Galeria de fotografias
 Prazer liberado
 Galeria el fotómata
 Meire Todao Fotos
 Foto Clube Londrina
 Marcia Eléia
 Leticia Soares - Fotografias


 
A Brutal Delicadeza


Raça


Não
Não sou um poeta de celebrações
Sou humilde e sou negro
Trago em mim as marcas, discriminações
Mas mesmo assim eu não me entrego


As várias dores que a vida me infringiu
fizeram-me crescer e ser mais forte
Superar os dissabores que a vida me serviu
Cantar a negritude até à morte


Não
Não sou um poeta cabisbaixo por aí
Vivo e escrevo o meu orgulho
Represento a miscigenação de um país
que insiste em ver-me como entulho


As várias cicatrizes que o racismo em mim abriu
fecharam-se, e se tornaram uma couraça
Poeta negro, forte e varonil
Um jardineiro...
a semear, o orgulho de uma raça.

 




Escrito por Bhall Marcos às 07h49
[] [envie esta mensagem] []



Xeque-Mate

 

A vida é um jogo de xadrêz
Onde peões pilotam motos
Reis transam com plebéias
Damas se prostituem

Onde bispos são pedófilos
E os cavalos são de aço

Enquanto isso d'uma torre
A morte nos espreita
Querendo tirar, alguém do tabuleiro.






Escrito por Bhall Marcos às 07h43
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]